Este diário complementa o nosso site pessoal

( VER ETIQUETAS NO FIM DA PÁGINA )

USE O PESQUISADOR DO BLOGUE -

-

OS TRATAMENTOS SUGERIDOS NÃO DISPENSAM A INTERVENÇÃO DE TERAPEUTA OU MÉDICO ASSISTENTE.

Pesquisar neste blogue

A carregar...

quarta-feira, 15 de Julho de 2009

AGRESSIVIDADE - TRATAMENTO HOMEOPÁTICO





STRAMONIUM 200 CH, 5 gotas duas vezes por semana.



Veja-se neste blogue o artigo »
TRATAMENTO HOMEOPÁTICO II –utilize o pesquisador do blogue.

JOSÉ MARIA ALVES
http://www.homeoesp.org

8 comentários:

Anónimo disse...

Dr. José Maria Alves. Boa tarde. Sei que o senhor não pode mais “receitar” em seu Site, pena eratão bom e útil... mas pelo que entendi a homeopatia do site ainda pode ser de caráter informativo. Por favor, então gostaria de saber se a o Stramonium 200 CH (5 gotas duas vezes por semana) pode ser usada para a Agressividade do tipo: “pavio curto”, reativa (ofende-se por bagatelas), joga objetos no chão, grita, esbraveja, bate no filho, briga a toa, não tem flexibilidade, não tem “jogo de cintura”, mulher que até com o filho (criança) se desentende quando brinca...O Stramonium 200CH, serve para esse tipo de agressividade doutor? Obrigada pela atenção. Júlia

José Maria Alves disse...

Boa tarde Júlia

É uma hipótese a considerar. Fazer a medicação durante dois meses - para analisar os resultados.


-----------------------


No entanto, agradeço também, que pesquise o artigo referente à sugestão de tratamento através do método da AUTO-ISOPATIA ENERGÉTICA (vale a pena tentar; estou certo de que se irá espantar com as melhorias obtidas!)

Digite no pesquisador do blogue: AAA (para facilitar a pesquisa).

Aí encontrará todas as indicações necessárias à preparação do medicamento.

Um abraço e as melhoras.

Zé Maria Alves

Anónimo disse...

Muito obrigada pela resposta. Até.

Júlia

Maysa Mattos disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Maysa Mattos disse...

Bom dia, Dr. José Maria!
Antes de mais nada, agradeço imenso a generosidade e a disponibilidade com que à nós tem dispensado, tanto para com os seus leitores, bem como seus pacientes.

Tenho um filho de 5 aninhos, diagnosticado dentro do Especto do Autimo que, apesar de ser verbal, ter uma boa comprensão de tudo que lhe dizem e saber se expressar muito bem, sempre foi muito irritadiço, impaciente e, por consequeência, AGRESSIVO, em princípio com palavras, nada físico, mas, é de um feitio muito difícil, pois não quer respeitar regras, limites, o que tem dificultado imenso seu convívio em casa e também no ambiente escolar, bem como terapeutico também. Ele é uma crinça inteligente, mas muito, muito opositor, impaciente do tipo que quer sempre tudo ao seu jeito e vontade, e na hora que ele quer. E quando não atendido, reage com extrema impaciente/irritabilide e agressividade. Não tem sido fácil! Já tentei algumas fórmulas homeopata, inclusive ele tem sido seguido por uma pediatra-homeopata, mas que, penso que, não está acertando nas fórmulas, pois já estamos na segunda e estas, têm surtido até efeito contrário, pois ele está, a cada dia, pior, comportamentalmente falando. Mto opositor, muito irritadiço e extremamente agressivo com palavras. Hoje ele toma 5 glóbulos do Stramonium, mas, coforme disse, não têm feito efeito algum. E eu começo a me desanimar, mas, antes queria muito de uma palavra, uma informação ou dica do que mais eu poderia estar fazendo uso para com ele.
Por favor, ajude-me?
Desde já, agradeço imensamente!
Vânia Barros

Anonimo disse...

Boa Tarde Dr. José Maria

Cheguei a este blog depois de uma pesquisa a respeito dos benefícios da homeopatia no tratamento da agressividade infantil. Tenho um filho de 4 anos que vem apresentando sérios problemas de oposição, desafio, conduta na escola. Em casa, porque somos pais autoritários, já cortamos isso há muito tempo e ele é uma criança extremamente normal. Come bem, dorme, brinca, assiste desenhos, faz tudo o que qualquer outra criança faz. Jamais bate em mim ou no pai, uma vez que só vivemos nós três. Mas na escola é tudo muito diferente. O neurologista disse que ele é uma criança, até certo, ponto "manipuladora", só que não vejo maldade nenhuma nele. Ele ama os animais, é muito carinhoso, inclusive com adultos com quem pouco convive. De qualquer modo, a primeira suspeita era TDAH, pela psicóloga, mas o Neuro descartou e falou apenas que ele poderia ter TOD (Transtorno Opositor Desafiador), mas disse que não ia passar remédio algum agora. Mas não está dando jeito. Na escola ele agride as outras crianças, deliberadamente, é como se "descontasse" nelas sem dó toda a raiva que, porventura, sinta por algo. Ele dá socos, chutes, etc..., nos adultos também fazia, mas tem parado com isso. Em casa, a gente põe de castigo, tira desenho, brinquedo, tudo, até já demos palmadas, mas nada resolve. Ele pede desculpas, chora, fica um anjo, mas retorna à escola e tudo volta à estaca zero. Por não saber mais o que fazer, gostaria de uma luz. Existe algum remédio que possa amenizar esse "descontrole" dele? Percebo também que é uma criança eufórica demais. Tem vezes que está brincando normal e de repente dá umas "loucuras" nele e ele começa a morder o próprio braço, sair correndo, pulando do nada, e depois para e fica normal de novo. Aí às vezes está brincando e de repente fica eufórico e começa a jogar todos os brinquedos, tacar na parede, sozinho mesmo, sem ninguém, sem nada que pudesse desencadear isso. Ele tem esses "picos" de adrenalina, euforia, não sei, que acaba resultando nessas ações, como tacar coisas, bater nas pessoas, dar chutes, gritar, bater portão, porta, etc...Fora isso, é uma criança muito inteligente. Mesmo sem prestar atenção na escola, sabe todas as letras, números, formas. Ele não "faz" a lição, mas se você pergunta oralmente, responde tudo corretamente, mas quando manda ele fazer, usar lápis, ele põe força, demonstra agressividade até nas atividades, começa a rabiscar deliberadamente, fura até a folha do livro. Mas fala tudo muito bem, tem o vocabulário rico. Mas tem essas "condutas antissociais" na escola. Gostaria de saber se a homeopatia poderia ser uma esperança para o meu caso? Agradeço se pudesse me dar um auxílio, uma resposta, uma luz. Desde já, meu muito obrigada!

José Maria Alves disse...

Boa noite

A minha primeira sugestão relativamente ao caso de seu filho, atenta a sua idade, será a de procurar um médico pediatra com especialidade em homeopatia. Na idade da criança todos os cuidados são poucos.

No entanto, sugiro que faça independentemente da prescrição ou das eventuais orientações de terapeuta, a AUTO-ISOPATIA ENERGÉTICA - veja o meu blogue específico e use o MÉTODO EXPEDITO.

Um abraço e as melhoras.

Zé Maria Alves

José Maria Alves disse...

Boa noite Vânia

Sugiro que faça a AUTO-ISOPATIA ENERGÉTICA - veja o comentário anterior.

Um abraço e as melhoras.