Este diário complementa o nosso site pessoal

( VER ETIQUETAS NO FIM DA PÁGINA )

USE O PESQUISADOR DO BLOGUE -

-

OS TRATAMENTOS SUGERIDOS NÃO DISPENSAM A INTERVENÇÃO DE TERAPEUTA OU MÉDICO ASSISTENTE.

ARTE

Pesquisar neste blogue

sábado, 12 de setembro de 2009

ANSIEDADE - COMPLEXO I - TRATAMENTO HOMEOPÁTICO



Ansiedade, depressão por esgotamento, perturbações do sono, stress.

COMPLEXO – (os medicamentos são preparados e ministrados no mesmo frasco)

ACONITUM 5 CH;
ARSENICUM ALBUM 6 CH;
BELLADONNA 5 CH;
GELSEMIUM 6 CH;
NUX VOMICA 5 CH;
RHUS TOXICODENDRON 5 CH.

3 gotas de 3 a 6 vezes por dia, em conformidade com a sintomatologia.




VER O ARTIGO ANSIEDADE » UTILIZE O PESQUISADOR DO BLOGUE

JOSÉ MARIA ALVES
http://www.homeoesp.org

30 comentários:

Jailma disse...

Oi Doutor, dou eu Jailma, sao esses os medicamentos do complexo? Abraços.

Jailma disse...

Oi Doutor, dou eu Jailma, sao esses os medicamentos do complexo? Abraços.

Anónimo disse...

Oi Doutor, já encontrei a receita e farei o tratamento e estou com muitas esperanças de ter a solução para mim.

Muito obrigado mais uma vez pela sua atenção. Celio

José Maria Alves disse...

Boa tarde Celio

Vamos em frente.
Claro que vai resultar.

Um abraço e as suas melhoras.

Zé Maria Alves

Anónimo disse...

Caro Dr Jose Maria,

Tive problemas no meu computador, por isso não lhe respondi antes.
O Senhor me pediu para eu relacionar os remedios que estou tomando e o meu atual estado mental:
- os remedios são os seguintes:
1) aradois 50 mg - para pressão que está variando em torno de 13,5x8,3;
2) O complexo I de ansiedade;
3) Aconitum ch200 e rustox ch30;
4) arnica + ruta ch6 para problemas de articulação e artrose;

Tenho tido instabilidade de humor. Pensamentos pessimistas. Desânimo mental e emocional. Dificuldades em entrar em estado de oração e rezar. Idem para meditar e relaxar. Minhas noites de sono parecem que não me descansam. Sinto inseguranças e dificuldades em agir com as referencias que sempre tive. Tenho tido atitudes que me anulam, de baixa auto-estima, que me fazem parecer bonzinho para os outros, mas que não estáo me agradando nem um pouco.
Por favor me ajude que eu quero voltar a ser o que era.

Abs
Celio

José Maria Alves disse...

Boa noite Celio

Vamos ter de "refazer" o seu plano de tratamento.

Por ora, não toma mais homeopáticos - só os homeopáticos, nunca deixe de tomar por iniciativa própria os medicamentos que lhe são receitados pelo seu médico assistente.

Vamos fazer, de imediato »

CAMPHORA 200 CH, uma dose única.

6 dias depois de a ter tomado, entra em contacto comigo num outro artigo do blogue, usando o ANONIMATO e faz-me uma descrição o mais detalhada possível de todos os seus sintomas mentais, físicos gerais, e físicos.
Veja em www.homeoesp.org » MENU » ARTIGOS » HOMEOPATIA -- os artigos SINTOMAS E INTERROGATÓRIO.
Assim, entenderá o que pretendo que me descreva.

Depois, manteremos sempre contacto no mesmo artigo.

Um grande abraço.

Zé Maria Alves

Anónimo disse...

Oi Dr Jose Maria,

Tudo bem ? conforme o Senhor me orientou, parei com a medicação homeopatica e transcrevo as minhas situações mentais e fisicas.
Consegui fazer frases curtas, mas foram muitas:

- Com freqüência sinto insatisfação com o que estou fazendo e tenho impaciencia.
- não gosto de ouvir assuntos de doença, tenho medo de pegá-la;
- tenho facilidade para ter aftas e acidez de estomago;
- exteriormente apresento ser calmo, mas quando começo a manifestar a raiva, parece que tem um vulcão dentro de mim;
- Para não coloca-lo em erupção, fico engolindo adversidades ou coisas indesejáveis ;
- Pratico frequentemente corridas, futebol, hidroginástica, bicicleta ergométrica e alguns exercícios de academia .
- sou atleta e há alguns foi constatado pequena artrose no joelho direito; com certa freqüência sinto pequenos incômodos no quadril direito. Já fiz – há muito tempo, infiltração no tornozelo direito. Este ano tive uma inflamação no tendão de Aquiles direito por uns 7 meses. Há dois anos tive problemas de muitíssima dor no joelho esquerdo que não afetaram ligamentos e meniscos, mas foi nessa região ligamentosa , talves tenha sido o “pata de ganso.”
- já fiz cirurgia de varicoceles.
- Com frequencia não tenho nada para urinar e fico no banheiro fazendo força para urinar;
- Sou muito ansioso. Em março, deste ano, mais ou menos, tive uma crise de ansiededade e passei a ter pressão alta. Fui quase no fundo do poço.
- adversidades me desequilibram, me transtornam, e minha cabeça fica pensando muito as mesmas coisas, e isto me cansa, me deixa louco. Faz minha pressão subir.
- As contrariedades e dificuldades de relacionamentos me dão falta de ar;
- tenho dificuldades para dizer a uma pessoa que a amo ou que gosto dela.
- tenho facilidade para guardar mágoas, raiva.
- Sou tímido, apático, tenho baixo auto estima, mas sou inteligente, tenho facilidade para aprender muitas coisas e fico bom no que aprendo; - tenho medo e insegurança para mudar de vida. Fico sem ação, indeciso.
- minha pressão tem variado de 11,9x7,8 a 14x9;
- perco muito tempo pensando em coisas que não aconteceram, mas que poderiam acontecer. Fico pensando em coisas que nunca se realizaram e nem vão se realizar.
- Tenho muita dificuldade em dizer um “não”, e isto me dá sérias conseqüências emocionais, que fazem a minha mente entrar em estado de trabalho;
- ultimamente tenho tido esquecimentos de coisas óbvias/fáceis; mas com freqüência , logo em seguida eu me lembro.
- É esquisito para mim entender que pessoas gostem de mim.
- Já passei por várias religiões: católica, evangélica, centro espírita kardecista, de umbanda... e espiritualmente tá faltando... procuro a paz interior para falar com Deus. Procuro ter a independência individual.
- não consigo entrar em estado de meditação, durante a oração;
- Durmo sem perceber e acordo muito cedo.
- Costumo deixar os problemas avolumarem, aí eu fico ansioso e não os resolvo.
- Adoro andar e ficar com a natureza, mas me enrolo dentro de casa e quando saio já atrazado fico me culpando.
- normalmente com a mudança de tempo quente para chuva, eu tenho dor de cabeça, que me parece ser de sinusite;
- no futebol: nos últimos anos tenho tido facilidade para ter contusões musculares, em tendões e ligamentos;
- Minha mulher diz que sou impaciente e intolerante.
- Não gosto de ficar quieto, mas sinto falta de conversar.
- As vezes estou me sentindo cansado, como que meio doente e desmotivado para várias coisas, mas aí aparece uma oportunidade para jogar futebol, praticar uma atividade física e passo a me sentir bem ( isto não é sempre não, mas já aconteceu muito).
- tenho medo e receio de fazer várias coisas porque me sinto velho.
- Com freqüência, quando penso em algo que gosto, ou alguém que gosto, logo em seguida vem um pensamento ruim.Isto dá conflito mental, dá desgaste mental...

Anónimo disse...

Oi Dr Jose Maria,

Tudo bem ? conforme o Senhor me orientou, parei com a medicação homeopatica e transcrevo as minhas situações mentais e fisicas.
Consegui fazer frases curtas, mas foram muitas:

- Com freqüência sinto insatisfação com o que estou fazendo e tenho impaciencia.
- não gosto de ouvir assuntos de doença, tenho medo de pegá-la;
- tenho facilidade para ter aftas e acidez de estomago;
- exteriormente apresento ser calmo, mas quando começo a manifestar a raiva, parece que tem um vulcão dentro de mim;
- Para não coloca-lo em erupção, fico engolindo adversidades ou coisas indesejáveis ;
- Pratico frequentemente corridas, futebol, hidroginástica, bicicleta ergométrica e alguns exercícios de academia .
- sou atleta e há alguns foi constatado pequena artrose no joelho direito; com certa freqüência sinto pequenos incômodos no quadril direito. Já fiz – há muito tempo, infiltração no tornozelo direito. Este ano tive uma inflamação no tendão de Aquiles direito por uns 7 meses. Há dois anos tive problemas de muitíssima dor no joelho esquerdo que não afetaram ligamentos e meniscos, mas foi nessa região ligamentosa , talves tenha sido o “pata de ganso.”
- já fiz cirurgia de varicoceles.
- Com frequencia não tenho nada para urinar e fico no banheiro fazendo força para urinar;
- Sou muito ansioso. Em março, deste ano, mais ou menos, tive uma crise de ansiededade e passei a ter pressão alta. Fui quase no fundo do poço.
- adversidades me desequilibram, me transtornam, e minha cabeça fica pensando muito as mesmas coisas, e isto me cansa, me deixa louco. Faz minha pressão subir.
- As contrariedades e dificuldades de relacionamentos me dão falta de ar;
- tenho dificuldades para dizer a uma pessoa que a amo ou que gosto dela.
- tenho facilidade para guardar mágoas, raiva.
- Sou tímido, apático, tenho baixo auto estima, mas sou inteligente, tenho facilidade para aprender muitas coisas e fico bom no que aprendo; - tenho medo e insegurança para mudar de vida. Fico sem ação, indeciso.
- minha pressão tem variado de 11,9x7,8 a 14x9;
- perco muito tempo pensando em coisas que não aconteceram, mas que poderiam acontecer. Fico pensando em coisas que nunca se realizaram e nem vão se realizar.
- Tenho muita dificuldade em dizer um “não”, e isto me dá sérias conseqüências emocionais, que fazem a minha mente entrar em estado de trabalho;
- ultimamente tenho tido esquecimentos de coisas óbvias/fáceis; mas com freqüência , logo em seguida eu me lembro.
- É esquisito para mim entender que pessoas gostem de mim.
- Já passei por várias religiões: católica, evangélica, centro espírita kardecista, de umbanda... e espiritualmente tá faltando... procuro a paz interior para falar com Deus. Procuro ter a independência individual.
- não consigo entrar em estado de meditação, durante a oração;
- Durmo sem perceber e acordo muito cedo.
- Costumo deixar os problemas avolumarem, aí eu fico ansioso e não os resolvo.
- Adoro andar e ficar com a natureza, mas me enrolo dentro de casa e quando saio já atrazado fico me culpando.
- normalmente com a mudança de tempo quente para chuva, eu tenho dor de cabeça, que me parece ser de sinusite;
- no futebol: nos últimos anos tenho tido facilidade para ter contusões musculares, em tendões e ligamentos;
- Minha mulher diz que sou impaciente e intolerante.
- Não gosto de ficar quieto, mas sinto falta de conversar.
- As vezes estou me sentindo cansado, como que meio doente e desmotivado para várias coisas, mas aí aparece uma oportunidade para jogar futebol, praticar uma atividade física e passo a me sentir bem ( isto não é sempre não, mas já aconteceu muito).
- tenho medo e receio de fazer várias coisas porque me sinto velho.
- Com freqüência, quando penso em algo que gosto, ou alguém que gosto, logo em seguida vem um pensamento ruim.Isto dá conflito mental, dá desgaste mental...

Anónimo disse...

Oi Dr Jose Maria,

Tudo bem ? conforme o Senhor me orientou, parei com a medicação homeopatica e transcrevo as minhas situações mentais e fisicas.
Consegui fazer frases curtas, mas foram muitas:

- Com freqüência sinto insatisfação com o que estou fazendo e tenho impaciencia.
- não gosto de ouvir assuntos de doença, tenho medo de pegá-la;
- tenho facilidade para ter aftas e acidez de estomago;
- exteriormente apresento ser calmo, mas quando começo a manifestar a raiva, parece que tem um vulcão dentro de mim;
- Para não coloca-lo em erupção, fico engolindo adversidades ou coisas indesejáveis ;
- Pratico frequentemente corridas, futebol, hidroginástica, bicicleta ergométrica e alguns exercícios de academia .
- sou atleta e há alguns foi constatado pequena artrose no joelho direito; com certa freqüência sinto pequenos incômodos no quadril direito. Já fiz – há muito tempo, infiltração no tornozelo direito. Este ano tive uma inflamação no tendão de Aquiles direito por uns 7 meses. Há dois anos tive problemas de muitíssima dor no joelho esquerdo que não afetaram ligamentos e meniscos, mas foi nessa região ligamentosa , talves tenha sido o “pata de ganso.”
- já fiz cirurgia de varicoceles.
- Com frequencia não tenho nada para urinar e fico no banheiro fazendo força para urinar;
- Sou muito ansioso. Em março, deste ano, mais ou menos, tive uma crise de ansiededade e passei a ter pressão alta. Fui quase no fundo do poço.
- adversidades me desequilibram, me transtornam, e minha cabeça fica pensando muito as mesmas coisas, e isto me cansa, me deixa louco. Faz minha pressão subir.
- As contrariedades e dificuldades de relacionamentos me dão falta de ar;
- tenho dificuldades para dizer a uma pessoa que a amo ou que gosto dela.
- tenho facilidade para guardar mágoas, raiva.
- Sou tímido, apático, tenho baixo auto estima, mas sou inteligente, tenho facilidade para aprender muitas coisas e fico bom no que aprendo; - tenho medo e insegurança para mudar de vida. Fico sem ação, indeciso.
- minha pressão tem variado de 11,9x7,8 a 14x9;
- perco muito tempo pensando em coisas que não aconteceram, mas que poderiam acontecer. Fico pensando em coisas que nunca se realizaram e nem vão se realizar.
- Tenho muita dificuldade em dizer um “não”, e isto me dá sérias conseqüências emocionais, que fazem a minha mente entrar em estado de trabalho;
- ultimamente tenho tido esquecimentos de coisas óbvias/fáceis; mas com freqüência , logo em seguida eu me lembro.
- É esquisito para mim entender que pessoas gostem de mim.
- Já passei por várias religiões: católica, evangélica, centro espírita kardecista, de umbanda... e espiritualmente tá faltando... procuro a paz interior para falar com Deus. Procuro ter a independência individual.
- não consigo entrar em estado de meditação, durante a oração;
- Durmo sem perceber e acordo muito cedo.
- Costumo deixar os problemas avolumarem, aí eu fico ansioso e não os resolvo.
- Adoro andar e ficar com a natureza, mas me enrolo dentro de casa e quando saio já atrazado fico me culpando.
- normalmente com a mudança de tempo quente para chuva, eu tenho dor de cabeça, que me parece ser de sinusite;
- no futebol: nos últimos anos tenho tido facilidade para ter contusões musculares, em tendões e ligamentos;
- Minha mulher diz que sou impaciente e intolerante.
- Não gosto de ficar quieto, mas sinto falta de conversar.
- As vezes estou me sentindo cansado, como que meio doente e desmotivado para várias coisas, mas aí aparece uma oportunidade para jogar futebol, praticar uma atividade física e passo a me sentir bem ( isto não é sempre não, mas já aconteceu muito).
- tenho medo e receio de fazer várias coisas porque me sinto velho.
- Com freqüência, quando penso em algo que gosto, ou alguém que gosto, logo em seguida vem um pensamento ruim.Isto dá conflito mental, dá desgaste mental...

Anónimo disse...

Oi Dr Jose Maria,

Tudo bem ? conforme o Senhor me orientou, parei com a medicação homeopatica e transcrevo as minhas situações mentais e fisicas.
Consegui fazer frases curtas, mas foram muitas:

- Com freqüência sinto insatisfação com o que estou fazendo e tenho impaciencia.
- não gosto de ouvir assuntos de doença, tenho medo de pegá-la;
- tenho facilidade para ter aftas e acidez de estomago;
- exteriormente apresento ser calmo, mas quando começo a manifestar a raiva, parece que tem um vulcão dentro de mim;
- Para não coloca-lo em erupção, fico engolindo adversidades ou coisas indesejáveis ;
- Pratico frequentemente corridas, futebol, hidroginástica, bicicleta ergométrica e alguns exercícios de academia .
- sou atleta e há alguns foi constatado pequena artrose no joelho direito; com certa freqüência sinto pequenos incômodos no quadril direito. Já fiz – há muito tempo, infiltração no tornozelo direito. Este ano tive uma inflamação no tendão de Aquiles direito por uns 7 meses. Há dois anos tive problemas de muitíssima dor no joelho esquerdo que não afetaram ligamentos e meniscos, mas foi nessa região ligamentosa , talves tenha sido o “pata de ganso.”
- já fiz cirurgia de varicoceles.
- Com frequencia não tenho nada para urinar e fico no banheiro fazendo força para urinar;
- Sou muito ansioso. Em março, deste ano, mais ou menos, tive uma crise de ansiededade e passei a ter pressão alta. Fui quase no fundo do poço.
- adversidades me desequilibram, me transtornam, e minha cabeça fica pensando muito as mesmas coisas, e isto me cansa, me deixa louco. Faz minha pressão subir.
- As contrariedades e dificuldades de relacionamentos me dão falta de ar;
- tenho dificuldades para dizer a uma pessoa que a amo ou que gosto dela.
- tenho facilidade para guardar mágoas, raiva.
- Sou tímido, apático, tenho baixo auto estima, mas sou inteligente, tenho facilidade para aprender muitas coisas e fico bom no que aprendo; - tenho medo e insegurança para mudar de vida. Fico sem ação, indeciso.
- minha pressão tem variado de 11,9x7,8 a 14x9;
- perco muito tempo pensando em coisas que não aconteceram, mas que poderiam acontecer. Fico pensando em coisas que nunca se realizaram e nem vão se realizar.
- Tenho muita dificuldade em dizer um “não”, e isto me dá sérias conseqüências emocionais, que fazem a minha mente entrar em estado de trabalho;
- ultimamente tenho tido esquecimentos de coisas óbvias/fáceis; mas com freqüência , logo em seguida eu me lembro.
- É esquisito para mim entender que pessoas gostem de mim.
- Já passei por várias religiões: católica, evangélica, centro espírita kardecista, de umbanda... e espiritualmente tá faltando... procuro a paz interior para falar com Deus. Procuro ter a independência individual.
- não consigo entrar em estado de meditação, durante a oração;
- Durmo sem perceber e acordo muito cedo.
- Costumo deixar os problemas avolumarem, aí eu fico ansioso e não os resolvo.
- Adoro andar e ficar com a natureza, mas me enrolo dentro de casa e quando saio já atrazado fico me culpando.
- normalmente com a mudança de tempo quente para chuva, eu tenho dor de cabeça, que me parece ser de sinusite;
- no futebol: nos últimos anos tenho tido facilidade para ter contusões musculares, em tendões e ligamentos;
- Minha mulher diz que sou impaciente e intolerante.
- Não gosto de ficar quieto, mas sinto falta de conversar.
- As vezes estou me sentindo cansado, como que meio doente e desmotivado para várias coisas, mas aí aparece uma oportunidade para jogar futebol, praticar uma atividade física e passo a me sentir bem ( isto não é sempre não, mas já aconteceu muito).
- tenho medo e receio de fazer várias coisas porque me sinto velho.
- Com freqüência, quando me vem a mente algo que gosto, ou alguém que gosto, logo em seguida vem um pensamento ruim.Isto dá conflito mental, dá desgaste mental...

José Maria Alves disse...

Boa noite Amigo

Vamos começar por fazer »
STAPHYSAGRIA 30 CH, uma dose única.

Ao fim de 15 dias, reavaliamos.

Um abraço e as melhoras.

Zé Maria Alves

Anónimo disse...

Dr Jose Maria,
Conforme sua orientação de 08/nov, abaixo copiada, aguardo sua orientação:
José Maria Alves disse...
Boa noite Amigo

Vamos começar por fazer »
STAPHYSAGRIA 30 CH, uma dose única.

Ao fim de 15 dias, reavaliamos.

Um abraço e as melhoras.

Zé Maria Alves

8 de Novembro de 2010 21:20

José Maria Alves disse...

Boa noite Amigo

A STAPHYSAGRIA ainda estará a produzir os seus efeitos.

Logo que sinta que o efeito do medicamento está a passar, dê notícias com especificação das alterações no quadro clínico.

Um abraço e as melhoras.

Zé Maria Alves

Anónimo disse...

Dr. Jose Maria,
Conforme sua orientação, já sinto q o efeito do STAPHYSAGRIA está passando.
No inicio, senti um certo alivio, me senti livre da pressão de vários remédios.
Tive vários sintomas nesse periodo – alguns foram temporários:
- Físicos: sinto dores passageiras em articulações, principalmente no tornozelo direito. Atualmente estou sentindo certas dores pontuais nas duas patelas. Perdi a disposição de correr e de nadar . Fazia estas duas atividades diariamente. Continuo caminhando e jogando futebol ;
- De vez em quando choro sozinho, logo de manhã enquanto tomo café, também tenho apatia, desanimo, sinto-me insatisfeito com o que faço e sinto insatisfeito pelo que não faço. Tenho tido bastante sonhos e/ou pesadelos relacionados aos fatos do dia anterior. Tenho dormido um sono inteiro de 5 a 6 horas. Não acordo descansado, nem cansado. Parece que não sinto muito o meu corpo. Acordo disposto. De modo análogo, espiritualmente também estou me sentindo assim.
- Quando estou sentado ou deitado fico contorcendo os joelhos, contorcendo os pés ( fico esticando e dobrando os dedos e as solas dos pés ). Meus dedos das mãos também ficam assim e estou arrancando as unhas, mais com os outros dedos e um pouco com os dentes.
- Ocorre-me pensamentos sem coerencias, sem estarem de acordo com minhas referencias e gostos, contraditórios, na maioria das vezes são negativos para mim, não são bons.
- Já a algun tempo, tenho o seguinte: 1) após 3 ou 4 drágeas de polivitamínicos ou tomar mel de abelhas me dá queimação na barriga; 2) frutas cítricas e alimentos com certos temperos me dão acidez de estomago e afitas; 3) mudança do tempo para chuva me dá sinusite.
Atualmente, estou tomando o remédio Valtrian HCT 50mg + 12,5 mg para pressão alta ( minha pressão aumenta quando vou no consultório – lá eu me sinto alterado e ansioso );
Muito obrigado pela sua atenção.

José Maria Alves disse...

Boa noite Amigo

Vamos fazer uma limpeza do inconsciente.
Estou com a intuição que uma nova potência de STAPHYSAGRIA o irá libertar de muitos sintomas.

Ao fim de 30 dias reavaliamos.

Sugiro que faça »
STAPHYSAGRIA 200 CH, dose única.

Abraço e as melhoras.


Zé Maria Alves

Anónimo disse...

Oi Dr Jose Maria,
Em 25/nov o Sr mandou eu tomar o STAPHYSAGRIA 200 CH, dose única, e após 30 dias retornar.
Neste periodo ocorreram vários sintomas. Hoje sinto que aumentou minha sensibilidade, mas estou muito pavio curto, tenho tido com frequencia meias tonturas, parece que a vista vão escurer, fico meio mau. Um dia a pressão tá muito baixa ( 10x6)m outro dia 14,5x8. Estou percebendo que quando tenho varios compromissos eu me sinto mau: acho que é ansiedade. Aí me dá melancolia, depressão e coisas assim, inclusive frustração.

Minhas articulações tambem pedem ajuda para praticar esporte.

Muito obrigado pela a atenção.

José Maria Alves disse...

Boa tarde Amigo

Por imperativos éticos, como consequência de deliberação da Associação Portuguesa de Homeopatia de 20 de Dezembro de 2010, é-me vedado sem observação directa dos pacientes, sugerir quaisquer tratamentos, devendo estes ser seguidos por terapeuta ou médico.
Assim, o presente blogue pessoal passa a ter um carácter meramente informativo.


No entanto, agradeço que pesquise o artigo referente à sugestão de tratamento através do método da AUTO-ISOPATIA ENERGÉTICA (vale a pena tentar; estou certo de que se irá espantar com as melhorias obtidas!)

Digite no pesquisador do blogue: AAA

Aí encontrará todas as indicações necessárias à preparação do medicamento.

Um abraço e as melhoras.

Zé Maria Alves

Anónimo disse...

Oi Doutor,
É com profunda decepção que considero esta atitude da Associação Portuguesa de Homeopatia. Mesmo porque seu espírito ético e respeito aos seus colegas de profissão foi sempre motivo de admiração. Assim, como no Brasil, o que tem por tráz desta atitude é só o interesse financeiro. Não se considerou o bem que o Senhor vinha fazendo a inúmeras pessoas, desconhecidas e
desprovidas de qualquer interesse.
Como registro, se servir de alguma coisa boa, eu estava com esperança neste tratamento, porque eu nunca falei de mim da forma que lhe escrevi. E com mais de 50 anos eu já estava desanimado de mudanças, entretanto, esse comportamento estupido e arrogante dessa associação, comparado ao baixo clero brasileiro não vai me desanimar.
Não adianta esta associação querer impedir que o uso da tecnologia e retardar o que o futuro nos aguarda.
Muito agradecido por tudo. Foi muito gratificante para mim.

Abs

José Maria Alves disse...

Boa noite Amigo

Não desista.
Faça o tratamento da auto-isopatia energética. Colabore activamente na sua cura.

Dê notícias - vai conseguir atingir os seus objectivos (já muitos são os que dela beneficiam).

Abraço e as melhoras.


Zé Maria Alves

Anónimo disse...

Oi Dr Jose Maria,

Desculpe a minha reação que ontem fiquei muito contrariado com o acontecido, porque pessoas generosas como o Senhor não deviam ser alvos de mesquinharias.
Pior para mim que estou precisando muito ainda da sua ajuda. Na minha região, no Brasil, não há homeopatas, e os alopatas são receitadores de remedios que não deram resultados. Se eles fossem aquela maravilha não precisariam de infortuná-lo.
Na isopatia, eu vi que eu tenho um pouco de vários remedios ( 5 ou 6 ) voce pode me dizer como resolver isto?
Grato, mais uma vez.

José Maria Alves disse...

Boa noite Amigo

Compreendo perfeitamente tudo o que escreveu. Eu, no seu lugar, faria certamente o mesmo.
Mas, infelizmente, a deliberação da Associação Portuguesa de Homeopatia foi tomada para obstar ao desenvolvimento de uma actividade deontologicamente incorrecta, relativa a consultas via web a troco de uma determinada retribuição.
A crise económica, a “fome” de dinheiro e a incompetência de muitos profissionais de saúde, estribaram tal deliberação.
Portugal é hoje, um país onde grassa a imoralidade, a corrupção, a burla, a incompetência. Neste sentido, somos forçados a entender que a deliberação da APH é um mal necessário, mas para o qual a dita Associação não contribuiu.
E aqui, prejudicado é sempre o paciente...

----------------------------


Quando me refiro ao tratamento com a auto-isopatia energética, remeto para o primeiro artigo do meu blogue, www.autoisopatiaenergetica.blogspot.com

Aí, especifica-se detalhadamente a preparação do medicamento, sem que se usem quaisquer secreções, tecidos ou fluidos do paciente – apenas o modelo energético é plasmado no frasco-medicamento.


Se seguir os passos da preparação constantes desse artigo – o 1.º da página inicial -, não terá quaisquer dificuldades na execução do mesmo e na preparação de novas potências.

Um abraço e as melhoras (tenha fé).

Zé Maria Alves

Anónimo disse...

Dr Jose Maria,
É com prazer e um pouco sem jeito que recorro ao Senhor. Vamos lá, contando com a sua magnanimidade.
Referindo-me a preparação da auto-isopatia, tenho duas dúvidas:
- ítem 2.4: manda esvaziar o frasco e o sacudir até ficar úmido? (como é isto, vou guardar este liquido em outro recipiente ou vou jogá-lo fora? e vou sacudir o vidro vazio ? se eu o esvaziei o que eu vou sacudir ?);
- ítem 2.5: deito a mesma porção de agua já preparada ou é outra porção ?
Grato pela a atenção, e gostaria de saber onde o Senhor está divulgando suas noticias, atividades e se há perspectivas do Senhor voltar às atividades via web. Abraços e felicidades.

José Maria Alves disse...

Boa noite Amigo

- Esvazia o frasco, desperdiçando o líquido.
No entanto, note que restam algumas gotículas nas paredes do mesmo.
Ao sacudir o frasco, como quem esvazia, essas gotículas irão sendo projectadas para o exterior até que as ditas paredes do frasco fiquem apenas húmidas.

- Depois, deita novos 15 ml de água.

Julgo que clarifiquei um pouco o procedimento com alguns aditamentos que fiz ao artigo ANEXO... do blogue da AUTO-ISOPATIA ENERGÉTICA.

Um abraço e as melhoras.

Zé Maria Alves

Anónimo disse...

Oi Doutor,
Então, a essência do remédio ficam nessas gotículas que estão na parede do frasco, que vão ser diluídas no novo líquido de 15 ml a serem colocados, e apartir daí, o remédio está pronto e a cada toma a gente vai sacudí-lo de 10x a 100x, não é isto ?
Fiz assim, o primeiro dia sacudi 100x, depois estou em 70x. Tá certo assim ?
Muito agradecido e abraços.

José Maria Alves disse...

Boa noite Amigo

Certo. Continue com o procedimento e dê notícias.

Um abraço e as melhoras.

Zé Maria Alves

Anónimo disse...

Dr Jose Maria,
Estou ficando num quadro de depressâo e desanimo muito forte.

Grato,

José Maria Alves disse...

Boa tarde Amigo

Por imperativos éticos, como consequência de deliberação da Associação Portuguesa de Homeopatia de 20 de Dezembro de 2010, é-me vedado sem observação directa dos pacientes, sugerir quaisquer tratamentos, devendo estes ser seguidos por terapeuta ou médico.
Assim, o presente blogue pessoal passa a ter um carácter meramente informativo.

Mas, veja no nosso site pessoal www.homeoesp.org » MENU » LIVROS ONLINE » NOVO REPERTÓRIO CLÍNICO HOMEOPÁTICO (por patologias) os artigos relacionados com o seu caso clínico, nomeadamente, DEPRESSÃO.

-----------------------


No entanto, agradeço também, que pesquise o artigo referente à sugestão de tratamento através do método da AUTO-ISOPATIA ENERGÉTICA (vale a pena tentar; estou certo de que se irá espantar com as melhorias obtidas!)

Digite no pesquisador do blogue: AAA (para facilitar a pesquisa).

Aí encontrará todas as indicações necessárias à preparação do medicamento.

Um abraço e as melhoras.

Zé Maria Alves

Anónimo disse...

Oi Doutor,
Estou fazendo os remedios de "auto isopatia", estou achando que 15 ml dá só para alguns poucos dias. Posso fazer uma quantidade maior ?

Muito agradecido mais uma vez pela sua atenção.

Abs

José Maria Alves disse...

Boa tarde Amigo

Claro que sim, desde que siga as instruções do blogue.

Um grande abraço e as melhoras.

Zé Maria Alves

Anónimo disse...

Oi Dr, tenho feito a isopatia, mas continuo tendo crises de ansiedade com aumento de pressão. O q posso fazer de diferente?

Grato,