Este diário complementa o nosso site pessoal

( VER ETIQUETAS NO FIM DA PÁGINA )

USE O PESQUISADOR DO BLOGUE -

-

OS TRATAMENTOS SUGERIDOS NÃO DISPENSAM A INTERVENÇÃO DE TERAPEUTA OU MÉDICO ASSISTENTE.

ARTE

Pesquisar neste blogue

domingo, 6 de dezembro de 2009

POESIA PARA CRIANÇAS (105) - ANTÓNIO FELICIANO DE CASTILHO - A VOLTA DA PRIMAVERA







Foi-se a quadra fria!
Os bons dias tornaram!
Olha como adornam
Graças aos rosais!

Olha o mar, que espelho!
Como nadam mansos,
Mergulhando, os gansos
Pelos seus cristais!

Como os grous viajam!
Que áureo sol tão limpo !
Claro o azul do Olimpo
Nuvens já não tem!

Em teus chãos lavrados,
Lavrador, exulta!
A semente oculta
já viçando vem!

O olival rebenta,
Pompa verde e prata!
Pâmpanos desata
Báquico vinhal!

Dentre as folhas novas
Ri na flor a truta!
Vê! repara! escuta!
Festa universal!

ANTÓNIO FELICIANO DE CASTILHO


JOSÉ MARIA ALVES
http://www.homeoesp.org



Sem comentários: