Este diário complementa o nosso site pessoal

( VER ETIQUETAS NO FIM DA PÁGINA )

USE O PESQUISADOR DO BLOGUE -

-

OS TRATAMENTOS SUGERIDOS NÃO DISPENSAM A INTERVENÇÃO DE TERAPEUTA OU MÉDICO ASSISTENTE.

ARTE

Pesquisar neste blogue

segunda-feira, 7 de dezembro de 2009

POESIA PARA CRIANÇAS (128) - ADOLFO CASAIS MONTEIRO - VEM, VENTO, VARRE







Vem, vento, varre
sonhos e mortos.
Vem, vento, varre
medos e culpas.
Quer seja dia,
quer faça treva,
varre sem pena,
leva adiante
paz e sossego,
leva contigo
nocturnas preces,
presságios fúnebres,
pávidos rostos
só cobardia.

Que fique apenas
erecto e duro
o tronco estreme
de raiz funda.

Leva a doçura,
se for preciso:
ao canto fundo
basta o que basta.

Vem, vento, varre!

ADOLFO CASAIS MONTEIRO


JOSÉ MARIA ALVES
http://www.homeoesp.org

2 comentários:

Lila disse...

Gostei...Estava procurando sobre tratamento para rinite e achei a receita além das outras matérias e poesias...
Obrigada,

Lila de Brasília-Brasil

José Maria Alves disse...

Boa tarde Lila

Se tiver dúvidas ou caso necessite de auxílio no decorrer do tratamento, deixe um comentário, neste ou no artigo que consultou.

Bem Haja

Zé Maria Alves