Este diário complementa o nosso site pessoal

( VER ETIQUETAS NO FIM DA PÁGINA )

USE O PESQUISADOR DO BLOGUE -

-

OS TRATAMENTOS SUGERIDOS NÃO DISPENSAM A INTERVENÇÃO DE TERAPEUTA OU MÉDICO ASSISTENTE.

ARTE

Pesquisar neste blogue

quinta-feira, 25 de fevereiro de 2010

JAMES HOGG (1770-1835) - CANÇÃO DE UM RAPAZ





Onde os lagos são brilhantes e profundos,
Onde a truta cinzenta se deita a dormir,
Rio acima ao longo do prado,
Esse é o caminho para Billy e para mim.

Onde o melro canta por último,
Onde o pilriteiro floresce mais perfumado,
Onde os passarinhos chilreiam e fogem,
Esse é o caminho para Billy e para mim.

Onde os ceifeiros ceifam mais habilmente,
Onde o feno repousa espesso e mais verde,
Ali, onde seguimos a abelha de regresso a casa,
Esse é o caminho para Billy e para mim.

Onde o renque das aveleiras é mais íngreme,
Onde a sombra se abate mais profundamente,
Onde as avelãs, aos molhos, caem livres;
Esse é o caminho para Billy e para mim.

Porque é que os rapazes afastam
Pequenas e doces donzelas das brincadeiras,
Ou adoram zombar e brigar tão bem,
Foi coisa que nunca soube dizer.

Mas isto eu sei, que gosto de brincar
Atravessando a campina, por entre o feno;
Subindo o rio, e ao longo do prado,
Esse é o caminho para Billy e para mim.

Tradução de Cecília Rego Pinheiro

Sem comentários: