Este diário complementa o nosso site pessoal

( VER ETIQUETAS NO FIM DA PÁGINA )

USE O PESQUISADOR DO BLOGUE -

-

OS TRATAMENTOS SUGERIDOS NÃO DISPENSAM A INTERVENÇÃO DE TERAPEUTA OU MÉDICO ASSISTENTE.

ARTE

Pesquisar neste blogue

segunda-feira, 15 de fevereiro de 2010

NOVO REPERTÓRIO CLÍNICO HOMEOPÁTICO - G






GAGUEZ
STRAMONIUM 3 CH, 3 gotas 4 vezes por dia.
e,
HYOSCIAMUS 3 CH, 3 gotas 4 vezes por dia.





GALACTORREIACalcarea carbonica, Salvia.





GANGRENAArnica, Arsenicum, Carbo vegetabilis, Crotalus horridus, Lachesis, Secale.


PROTOCOLO –
MEDICAMENTOS COMPLEXOS
Aesculus compositum N – gotas
Traumeel S – gotas
Circulo-Injeel





GASTRALGIAAnacardium, Argentum nitricum, Arsenicum, Carbo vegetabilis, Bismuthum, Graphites, Lycopodium, Nux vomica, Pulsatilla, Sepia, Sulphur.





GASTRALGIA RECORRENTEGraphites.





GASTRITEArsenicum, Hydrastis, Nux vomica, Oxalicum acidum, Phosphorus.

Gastrite por gula –
ANTIMONIUM CRUDUM 4 DH, 3 gotas 3 vezes por dia.

Gastrite ácida –
ARGENTUM NITRICUM 4 DH, 3 gotas 4 vezes por dia.

PROTOCOLO –
ARSENICUM ALBUM 3 CH, 5 gotas duas vezes por dia;
LYCOPODIUM 200 CH, 5 gotas duas vezes por dia.
Tratamento de cerca de um mês. Ao fim de 15 dias, pode ministrar-se o Arsenicum Album na 200 CH.
Na inexistência de melhoria:
NATRUM PHOSPHORICUM 30 CH, 5 gotas duas vezes por dia
Se não houver melhorias, pensar em IRIS e em HYDRASTIS.

BRYONIA 4 DH, 3 gotas de 3 a 5 vezes dia.

Ver também GASTRITE CRÓNICA » CADMIUM METALLICUM 4 DH, 3 gotas de 3 a 5 vezes dia.


PROTOCOLO –
MEDICAMENTOS COMPLEXOS
Gastricumeel – comprimidos
Nux vomica-Homaccord – gotas
Mucosa compositum





GASTRITE ATRÓFICA

ABIES NIGRA, 4 DH, 3 gotas 3 a 4 vezes por dia.

CAPSICUM ANNUUM 4 DH, 3 gotas várias vezes por dia.





GASTRITE, ALCOÓLICOS

SULPHURICUM ACIDUM 6 DH, 3 gotas 3 vezes por dia.





GASTRITE CRÓNICA
CADMIUM METALLICUM 4 DH, 3 gotas de 3 a 5 vezes dia.

KREOSOTUM 8 DH, 3 gotas 3 vezes por dia.





GASTROCARDÍACO, SÍNDROMA
PROTOCOLO –
MEDICAMENTOS COMPLEXOS
Gastricumeel – comprimidos
Cardiacum-Heel – comprimidos





GASTROENTEROPATIA
De origem nervosa –
ARGENTUM NITRICUM 30 DH, 5 gotas de 3 em 3 dias.





GASTROENTERITEArgentum nitricum, Arsenicum.

Com espasmos –
CUPRUM METALLICUM 4 DH, 3 gotas 3 vezes por dia.

Flatulência e meteorismo em gastroenterite crónica –
ANTIMONIUM CRUDUM 4 DH, 3 gotas 4 vezes por dia.


PROTOCOLO –
MEDICAMENTOS COMPLEXOS
Diarreheel S – comprimidos
Veratrum-Homaccord – gotas
Nux vomica-Homaccord - gotas





GASTROPATIA NERVOSA
Anacardium, Ignatia, Nux moschata.





GENGIVITEBorax, Carbo vegetabilis, Kreosotum, Mercurius, Nux vomica, Staphysagria.

CISTUS CANADENSIS 4 DH, 3 gotas 3 vezes por dia.


PROTOCOLO –
MEDICAMENTOS COMPLEXOS
Mercurius-Heel S – comprimidos
Traumeel S - gotas





GINECOMASTIA
BROMIUM 6 CH, 5 gotas 2 vezes por dia e, caso existam nódulos -
THUYA 30 CH, 5 gotas 2 vezes por dia.





GLÂNDULAS
AUMENTO DAS GLÂNDULAS COM TENDÊNCIA A SUPURAÇÃO –
CARBO ANIMALIS 12 DH, 3 gotas por dia.





GLAUCOMA
ARGENTUM NITRICUM 200 CH, 5 gotas duas vezes por dia.

ANTIMONIUM TARTARICUM 12 DH, 3 gotas por dia.


PROTOCOLO –
MEDICAMENTOS COMPLEXOS
Veratrum-Homaccord – gotas
Glonoin-Homaccord - gotas





GLOBO HISTÉRICO
Asa foetida, Ignatia.


PROTOCOLO –
MEDICAMENTOS COMPLEXOS
Ypsiloheel – comprimidos
Nervoheel – comprimidos
Ignatia-Homaccord





GLOMERULONEFRITE CRÓNICA
BRYONIA ALBA 30 CH, 5 gotas duas vezes por dia e,
LYCOPODIUM CLAVATUM 30 CH, 5 gotas duas vezes por dia.
Se houver melhoria, MEDORRHINUM 200 CH, 5 gotas dia sim dia não.
Pensar também em SILICEA e THUYA.


PROTOCOLO –
MEDICAMENTOS COMPLEXOS
Albumoheel S – comprimidos
Apis-Homaccord - gotas





GLOSSITEApis, Lachesis, Mercurius, Muriaticum acidum, Taraxum.


PROTOCOLO –
MEDICAMENTOS COMPLEXOS
Veratrum-Homaccord – gotas
Mercurius-Heel S - comprimidos





GONORREIA* - VER BLENORRAGIA





GOTAAntimonium crudum, Apis, Benzoicum acidum, Berberis, Colchicum, Formica rufa, Kalmia, Ledum, Lilium tigrinum, Lithium carbonicum, Oxalicum acidum, Sabina, Sulphur, Urtica urens.


PROTOCOLO –
MEDORRHINUM 200 CH, 5 gotas duas vezes por semana;
LEDUM 200 CH, 5 gotas duas vezes por dia;
BELLADONNA 3 CH, 5 gotas duas vezes por dia.

Com pedras nos rins –
LITHIUM CARBONICUM 4 DH, 3 gotas 3 vezes por dia.

BENZOICUM ACIDUM 4 DH, 3 gotas de 3 a 5 vezes por dia.

Das articulações do joelho –
BARIUM CARBONICUM 12 DH, 3 gotas por dia.


PROTOCOLO –
MEDICAMENTOS COMPLEXOS
Lithiumeel compositum – comprimidos
Bryaconeel – comprimidos
Belladonna-Homaccord - gotas





GRANULOMA DENTÁRIO

PROTOCOLO –
MEDICAMENTOS COMPLEXOS
Traumeel S – comprimidos
Arnica-heel NP – gotas
Galium-Heel N – gotas
Lymphomyosot - gotas





GRAVIDEZActea racemosa, Alumina, Cyclamen, Helonias, Ipecacuanha, Kalium bromatum, Kreosotum, Lobelia, Magnesia carbonica, Moschus, Nux moschata, Pulsatilla, Sepia, Sulphur, Sulphur iodatum, Tabacum, Theridion, Tuberculinum, Veratrum album.

ACTEA RACEMOSA 4 DH, 3 gotas 3 vezes por dia.





GRIPE

GRIPE SUÍNA OU GRIPE A H1N1 –
Ver neste blogue o artigo:
GRIPE SUÍNA OU GRIPE A H1N1 – HOMEOPATIA – PREVENÇÃO E TRATAMENTO
Utilize o pesquisador do blogue ou o VERBETE no fim da página do mesmo » GRIPE – PREVENÇÃO-TRATAMENTO-SEQUELAS.



Gripe em que os sintomas aparecem de forma súbita e brutal, depois de o enfermo estar exposto ao frio seco, ao vento do Norte. Por vezes, os sintomas manifestam-se por sucessão de dias quentes com noites frias.
A pele está quente, avermelhada, seca.
Sede.
Dores na região do coração, com palidez e, por vezes com desmaios.
Grande agitação física com ansiedade, e agravação dos sintomas por volta da meia noite. A ansiedade, por vezes, é acompanhada pelo medo da morte; o paciente chega a prever o momento exacto em que irá morrer.
ACONITUM 7 CH, 3 gotas de hora a hora.
(Este medicamento pode ser ministrado à noite, no intervalo de outros remédios, quando há agitação nocturna e insónia)


Gripe com tosse exasperante, fazendo desesperar o enfermo, que agrava durante a noite.
Sede. Dor de cabeça reumática.
Agitação, angústia, medo da morte.
ARSENICUM ALBUM 5 CH, 3 gotas 4 a 6 vezes por dia.


Gripe com bronquite, com indícios de tuberculose.
AVIARE 30 CH, 3 gotas de hora a hora.


Gripe com dores nos membros, dor de cabeça, dores nos olhos.
Língua saburrosa.
Febre, agitação.
Dores por todo o corpo. Lassidão e sonolência.
BAPTISIA 5 CH, 3 gotas de hora a hora.


Gripe com temperatura elevada com transpiração, suores, pele muito vermelha e seca, boca e garganta seca.
A cabeça lateja, parece que vai explodir. Inflamação dos ouvidos.
Tosse com dor. Sede muito intensa. Abatimento com tendência ao delírio.
BELLADONNA 5 CH, 3 gotas 4 a 6 vezes por dia.
(Se os sintomas mencionados se seguirem aos indicados em ACONITUM, ministrar BELLADONNA – medicamento que segue bem)
(Depois de Belladonna, muito em especial se houver supuração, MERCURIUS SOLUBILIS 6 CH, segue bem).


Gripe com febre, com boca seca e sede de grandes quantidades de água fria. Língua suja, saburrosa.
Tosse seca e dolorosa, que agrava pelo calor e ao menor movimento.
Dor de cabeça ao tossir. Dor de cabeça que agrava quando o enfermo tosse ou quando mexe a cabeça.
Dores musculares que agravam pelo menor movimento. O paciente melhora e quer ficar imóvel.
BRYONIA ALBA 5 CH, 3 gotas 4 a 6 vezes por dia.


Gripe com grande fadiga e abatimento com arrepios. Sensação de frio com frialdade do corpo.
Desejo de se cobrir quando a febre aparece. Febre sem suor.
CAMPHORA 5 CH, 3 gotas 4 a 6 vezes por dia.


Gripe por frio frio húmido, com calafrios.
Sede e ausência de transpiração.
DULCAMARA 7 CH, 3 gotas 3 a 5 vezes por dia.


Gripe com dores ósseas. Dor de cabeça e dos globos oculares. Quase ausência de suores. Sede.
Calafrios nas costas.
Agravação de todos os sintomas pelo frio.
EUPATORIUM PERFOLIATUM 5 CH, 3 gotas 4 a 6 vezes por dia.


Gripe em indivíduo manifestamente fraco, com arrepios (calafrios) e tremores. Os calafrios percorrem a espinha.
Grande abatimento, fraqueza, prostração, sonolência.
Dor de cabeça com sensação de peso.
Febre sem sede (nenhuma sede).
GELSEMIUM 5 CH, 3 gotas 4 a 6 vezes por dia.


Gripe com dor de garganta herpética ou “diftérica”.
PHYTOLACCA 5 CH, 3 gotas 4 a 6 vezes por dia.


Gripe com calafrios nas costas. O pulso está muito rápido. A cama parece estar demasiadamente dura.
Todas as secreções do enfermo têm um péssimo odor.
PYROGENIUM 5 CH, 3 gotas 4 a 6 vezes por dia.


Gripe com febre, com a face muito avermelhada. A língua tem um triângulo avermelhado na sua ponta.
Dores musculares intensas que melhoram pelo movimento com início lento. O paciente move-se constantemente.
Tosse seca que agrava pelo frio.
RHUS TOXICODENDRON 5 CH, 3 gotas 4 a 6 vezes por dia.


Gripe com tosse, com expectoração estriada de sangue, difícil de ser eliminada.
Dificuldade em respirar.
As dores são piores do lado direito.
SANGUINARIA 5 CH, 3 GOTAS 4 a 6 vezes por dia.


Gripe com sensação de nariz entupido, cheio, com espirros. Necessidade constante e ineficaz de se assoar.
As dores de cabeça frontais desaparecem quando o corrimento nasal surge.
STICTA PULMONARIA 5 CH, 3 gotas 4 a 6 vezes por dia.


Gripe com dores pleuríticas, que agravam quando o paciente tosse. A tosse provoca dores de cabeça.
Por vezes, tosse dilacerante, calor na cabeça, transpiração nocturna, diarreia de manhã cedo.
SULPHUR 6 CH, 3 gotas 4 a 6 vezes por dia.


Gripe com evacuação abundante, muita dor, transpiração, suores frios na testa.
VERATRUM ALBUM 5 CH, 3 gotas 4 a 6 vezes por dia.



PROTOCOLO –
MEDICAMENTOS COMPLEXOS
Gripp-Heel – comprimidos
Traumeel S - gotas





GRIPE – COMPLEXO – TRATAMENTO HOMEOPÁTICO
COMPLEXO – (os medicamentos são preparados e ministrados no mesmo frasco)

ACONITUM 4 DH;
BELLADONNA 4 DH;
BRYONIA ALBA 4 DH;
CHINA RUBRA 4 DH;
DROSERA 3 DH;
EUPATORIUM PERFOLIATUM 3 DH;
GELSEMIUM 6 DH.

PREVENÇÃO –
3 gotas 1 ou 2 vezes por dia.

GRIPE DECLARADA –
3 gotas até 12 vezes dia, espaçando-se em função das melhorias.

Crianças com mais de 2 anos – de preferência com acompanhamento de médico pediatra – ¼ da dose de adulto.






GRIPE, PREVENÇÃO
VER GRIPE SUÍNA OU GRIPE A H1N1 – HOMEOPATIA – PREVENÇÃO E TRATAMENTO » VERBETE de fim de página do blogue » GRIPE – PREVENÇÃO – TRATAMENO – SEQUELAS.

CLARKE aponta como medida profiláctica:
ARSENICUM 3 CH;
Também »
BACILLINUM 30 CH E,
INFLUENZINUM 30 CH,
tomados juntos ou como medicação combinada uma vez por semana, durante a epidemia.


TETAU aponta como prevenção durante o Inverno, de Outubro a Março,
INFLUENZINUM 9 CH, uma dose por mês.






GRIPE, SEQUELAS


CLARKE –


Doença crónica decorrente de um ataque de gripe –
TUBERCULINUM KOCH de 30 a 200 CH, uma ou duas vezes por semana.

Debilidade –
BAPTISIA TINCTORIA 1 DH, a cada 4 horas.

Perda de olfacto e do paladar –
MAGNESIA MURIATICA 5 CH, de 2 em 2 horas.



TETAU –


Para assegurar uma melhor e mais rápida convalescença, logo que os sintomas gripais terminem –
SARCOLACTIC ACIDUM 9 CH.



JOSÉ MARIA ALVES
http://www.homeoesp.org/

Sem comentários: