Este diário complementa o nosso site pessoal

( VER ETIQUETAS NO FIM DA PÁGINA )

USE O PESQUISADOR DO BLOGUE -

-

OS TRATAMENTOS SUGERIDOS NÃO DISPENSAM A INTERVENÇÃO DE TERAPEUTA OU MÉDICO ASSISTENTE.

ARTE

Pesquisar neste blogue

quarta-feira, 10 de agosto de 2011

RESTA-ME O MEU CORPO




Ouvia a tua voz
A respiração doce
O som do leve sorriso inocente
A confissão de amor
De quem nunca mente

Não sabia que ia ficar velho
Que ia ser amado por quem não amo
Na Mansão do Mar
Em que na solidão e no espelho
Por ti clamo

Tarde demais
Perdi-te para sempre
Resta-me o meu corpo


Sem comentários: