Este diário complementa o nosso site pessoal

( VER ETIQUETAS NO FIM DA PÁGINA )

USE O PESQUISADOR DO BLOGUE -

-

OS TRATAMENTOS SUGERIDOS NÃO DISPENSAM A INTERVENÇÃO DE TERAPEUTA OU MÉDICO ASSISTENTE.

ARTE

Pesquisar neste blogue

quinta-feira, 1 de setembro de 2011

LIVRE DE TODAS AS AFLIÇÕES




Foram muitos os teus amantes
Muitos invadiram os lençóis rendados do nobre dossel
Mas quantos te serviram em bandeja dourada o puro néctar do amor
O êxtase de uma noite acordada à Lua?
Hoje nas montanhas distantes recordo o tempo pacífico em que as pétalas caídas no teu leito nos envolviam em afagos esplêndidos e as súbitas descargas de vento faziam deslizar o sexo arvorado
Livre de todas as aflições mundanas



Sem comentários: