Este diário complementa o nosso site pessoal

( VER ETIQUETAS NO FIM DA PÁGINA )

USE O PESQUISADOR DO BLOGUE -

-

OS TRATAMENTOS SUGERIDOS NÃO DISPENSAM A INTERVENÇÃO DE TERAPEUTA OU MÉDICO ASSISTENTE.

ARTE

Pesquisar neste blogue

quarta-feira, 16 de novembro de 2011

MORTA A PALAVRA DE HONRA




Os tempos mudam
O hálito da terra
Não é o mesmo
Nem as origens do mar

Vão morrendo
Velhas palavras de honra
Crimes de sangue vivo
Que almas lavam

A aldeia tem menos homens
Para ensinar as crianças
Em extinção
E homens que Homens sejam
Já os não há
Ou talvez
Alguns
Um
Pouco mais
Talvez

Assim morre
A Palavra
O forte aperto
Das mãos gretadas
Com as veias
Salientes nos braços
A servir de testemunho
E a dispensar o tabelião


http://www.homeoesp.org/livros_online.html

Sem comentários: