Este diário complementa o nosso site pessoal

( VER ETIQUETAS NO FIM DA PÁGINA )

USE O PESQUISADOR DO BLOGUE -

-

OS TRATAMENTOS SUGERIDOS NÃO DISPENSAM A INTERVENÇÃO DE TERAPEUTA OU MÉDICO ASSISTENTE.

ARTE

Pesquisar neste blogue

domingo, 12 de outubro de 2014

À BEIRA DO PRECIPÍCIO



às vezes      e são muitas
fujo ao amor

nem a memória
dele quero

o vestido rasgado
nas ancas nuas

o coração
nem longe
nem perto

o prazer
num princípio
sem fim

os nossos corpos
em desordem
à beira do precipício





Sem comentários: