Este diário complementa o nosso site pessoal

( VER ETIQUETAS NO FIM DA PÁGINA )

USE O PESQUISADOR DO BLOGUE -

-

OS TRATAMENTOS SUGERIDOS NÃO DISPENSAM A INTERVENÇÃO DE TERAPEUTA OU MÉDICO ASSISTENTE.

ARTE

Pesquisar neste blogue

quarta-feira, 8 de outubro de 2014

AS ROSAS QUE DÃO SENTIDO À VIDA



estás tão triste moça nos portais dessa ermida                       
todo o amor que não nos assiste faz dó        mata o que sofre naufragante no mar cinzento da desventura        não estejas        bebe vento bebe sol as estrelas do firmamento        cobre o teu corpo com o meu lençol        suga-me o alento        depois exausta adormece no meu ombro calma distendida saciada        a mão no meu ventre        desce em sonho até à haste erecta e florida 
enquanto ainda palpitam as rosas que dão sentido à vida





Sem comentários: