Este diário complementa o nosso site pessoal

( VER ETIQUETAS NO FIM DA PÁGINA )

USE O PESQUISADOR DO BLOGUE -

-

OS TRATAMENTOS SUGERIDOS NÃO DISPENSAM A INTERVENÇÃO DE TERAPEUTA OU MÉDICO ASSISTENTE.

ARTE

Pesquisar neste blogue

domingo, 12 de outubro de 2014

VAIS VOLTAR A PARTIR



vais voltar a partir

os nossos corpos uniram-se em incontáveis vezes      noutras afastaram-se sem dizer adeus

tu ias      eu ficava
ou ficávamos os dois sem dizer nada

já são tantos os anos e dias que nossas almas não têm recantos por conhecer
agora amamos      mais logo fodemos      tudo nos é permitido      com amor tudo se pode fazer

entro em ti      no teu corpo casto      entras em mim      nas entranhas no coração no espírito alvoraçado
subimos ao céu      ao paraíso
queres gritar e não gritas
dou-te a mão e por entre gemidos nascem orgasmos sucessivos

não sossego não te deténs      o gozo é tanto que muitas vezes choras lágrimas que não são de sal de chuva mel mas do mais belo temporal
os corpos ascendem às cores celestes      ao azul do firmamento      às nuvens brancas e puras que aconchegam os mares do sul

e amamos como nunca ninguém amou

sabes maria      estou certo
que quando amamos
êxtase perfeito 
nesse prazer tanto
modelado ao teu corpo santo
deus está sempre perto

vais voltar a partir

talvez seja assim sempre
esta dor      esta chaga que sangra      lamento que oculto
e sem ti      sozinho
deus não virá comprazer-se
com tão divino amor e carinho

e eu
chorarei o caminho
pelo fado traçado
sem ti
sem deus
para aqui abandonado





Sem comentários: