Este diário complementa o nosso site pessoal

( VER ETIQUETAS NO FIM DA PÁGINA )

USE O PESQUISADOR DO BLOGUE -

-

OS TRATAMENTOS SUGERIDOS NÃO DISPENSAM A INTERVENÇÃO DE TERAPEUTA OU MÉDICO ASSISTENTE.

ARTE

Pesquisar neste blogue

quinta-feira, 29 de janeiro de 2015

O AMOR MORRE NO ÓDIO



o amor começa carnal obsessivo
 possessivo

porquê tanta doçura
tanta ternura
tantos beijos e promessas
no início?

e continua caminhante receoso da perda
carinhos
afagos e   mimos
tanto deleite e   enlevo 
depois?

acaba odioso cansado
entediado 

porquê?


se hoje e amanhã
no prazer e gozo
que dilacera       o coração

porquê?





Sem comentários: