Este diário complementa o nosso site pessoal

( VER ETIQUETAS NO FIM DA PÁGINA )

USE O PESQUISADOR DO BLOGUE -

-

OS TRATAMENTOS SUGERIDOS NÃO DISPENSAM A INTERVENÇÃO DE TERAPEUTA OU MÉDICO ASSISTENTE.

ARTE

Pesquisar neste blogue

sexta-feira, 23 de janeiro de 2015

PÁLPEBRAS DE SEDA



pálpebras de seda no peitoril

um corpo nu com as medidas da escuridão

a leste a lua impávida obscurece

o cabelo maduro nas costas descuidadas

a sombra metálica de uma cintura

e a carne inundada do brilho exausto da orfandade

da neblina incensada de sinais nascidos nas constelações de outono

duas folhas caem no teu vestido

da tua boca um clarão emudece as palavras

enquanto o leite corre dos teus deslumbrados seios




Sem comentários: