Este diário complementa o nosso site pessoal

( VER ETIQUETAS NO FIM DA PÁGINA )

USE O PESQUISADOR DO BLOGUE -

-

OS TRATAMENTOS SUGERIDOS NÃO DISPENSAM A INTERVENÇÃO DE TERAPEUTA OU MÉDICO ASSISTENTE.

ARTE

Pesquisar neste blogue

sexta-feira, 23 de janeiro de 2015

PRÉDIOS QUE SE ELEVAM LADO A LADO COMO GAIOLAS



o mundo está aí com todas as suas manifestações pueris
os prédios elevam-se lado a lado como gaiolas de aves depenadas ou latas de peixe cru
tudo fora do prazo
os empregos
- quem inventou o trabalho deveria ser definitivamente interditado –
os transportes a fome as mortes nos seus floridos carros funerários        
mulheres homens crianças velhos nas ruas
antenas nos telhados      roupa estendida nos terraços
corações ao alto
missas padres crimes e beatos   soldados   árvores doentes no centro das cidades        sem-abrigo e alojado        gente que vegeta e corre pelas orlas do esterco gente que se estatela nas sarjetas da palavra
imunda e doente
tudo visível e palpável como a porta da adega sem cadeado ou do velho palheiro de furtivos amores




Sem comentários: