Este diário complementa o nosso site pessoal

( VER ETIQUETAS NO FIM DA PÁGINA )

USE O PESQUISADOR DO BLOGUE -

-

OS TRATAMENTOS SUGERIDOS NÃO DISPENSAM A INTERVENÇÃO DE TERAPEUTA OU MÉDICO ASSISTENTE.

ARTE

Pesquisar neste blogue

sexta-feira, 23 de janeiro de 2015

UMA LÁGRIMA POR CADA PECADO



somos máquinas ancestrais de rodados quadrangulares        uma libra esterlina por cada eixo soturno        os vendilhões do templo fruem dos erros dos crédulos        quem melhor do que eles nos poderá ensinar a rectidão e a justa vereda
escavam-se fossos maldiz-se o bem desabrocha a malícia estremece o ódio nas imediações das artérias mutiladas pelo desgoverno dos trirremes da anunciação
a cavalaria sinuosa abraçou a floresta prateada onde os ossos descarnados exibem paisagens de vida
ah o medo da morte que iguala fraco e forte e arruína em ápices as sevícias de toda uma vida de facções e pérfidas ambições
uma lágrima por cada pecado




Sem comentários: