Este diário complementa o nosso site pessoal

( VER ETIQUETAS NO FIM DA PÁGINA )

USE O PESQUISADOR DO BLOGUE -

-

OS TRATAMENTOS SUGERIDOS NÃO DISPENSAM A INTERVENÇÃO DE TERAPEUTA OU MÉDICO ASSISTENTE.

ARTE

Pesquisar neste blogue

sexta-feira, 2 de setembro de 2011

NÃO SEI DE QUEM SOU




Não sei de quem sou
Se sou de Alguém ou
Se de ninguém sou

Fez-me o Destino errante
Viajante de vastos amores
De chama viva
Em alma ardente

Moro no meu coração
Na verdade e em quem mente
Com o amor a caber na palma de uma mão

E se não sou de ninguém
Com alma tamanha
Sou certamente de toda a gente


Sem comentários: