Este diário complementa o nosso site pessoal

( VER ETIQUETAS NO FIM DA PÁGINA )

USE O PESQUISADOR DO BLOGUE -

-

OS TRATAMENTOS SUGERIDOS NÃO DISPENSAM A INTERVENÇÃO DE TERAPEUTA OU MÉDICO ASSISTENTE.

ARTE

Pesquisar neste blogue

sábado, 6 de março de 2010

BALTASAR DE ALCÁZAR (1530-1606) - EPIGRAMA





Avisando alguém Inês
para deixar o marido,
que anda entre putas metido,
ela disse dessa vez:

«Bem que eu veja claramente
o mal que faz ao deixar-me,
não irei dele aforrar-me
mas desforrar-me, contente.»

Tradução de José Bento

Sem comentários: